5 sinais de um relacionamento abusivo

0
845
sinal de relacionamento abusivo

Você sabe o que é um relacionamento abusivo? E os efeitos que ele gera na pessoa? Relacionamento abusivo é algo sério e pode deteriorar as condições psicológicas de alguém se ele for mantido por um longo período.

Rebaixamento, desprezo, pouca autoestima e, principalmente, medo de não conseguir seguir em frente. Esses são os sintomas mais frequentes de quem adquire este trauma em sua vida. Nesses casos, é necessário realizar uma intervenção com um especialista e, principalmente, apoiar e dar suporte à vítima.

A vítima pode não conseguir encontrar uma saída para terminar a relação, ou, ainda, acreditar que uma mudança de comportamento do outro é possível. As promessas do abusador são infinitas e, às vezes, a própria vítima acha que conseguirá mudá-lo por conta própria. É importante entender o que é relacionamento abusivo para conseguir sair dele.

Então, aprenda abaixo como identificar um relacionamento abusivo.

1. Controle

Uma simples frase pode conter a manipulação que o abusador utiliza, e o artifício é só o começo. A pessoa deseja ter controle sobre a outra e começa a decidir o que o parceiro pode e não pode fazer. Roupas e atividades acabam quase sempre sendo decididas pelo o abusador e tudo isso escondido no “Eu sei o que é melhor para você”.

A privacidade também é invadida sob pretextos amorosos. Quem nunca ouviu a frase “quem ama, não esconde”? Pois é, não é bem assim. O agressor aproveita dessas situações para querer controlar tudo do parceiro. Mensagens do celular, redes sociais e e-mails são sempre verificadas, seja de forma sutil ou não. Por isso, fique atento nesses exemplos para saber como reconhecer um relacionamento abusivo.

2. Afastamento de outras pessoas

– Aquele seu amigo dá em cima de você, não quero que você ande mais com ele.

– O seu outro amigo não faz bem para você, ele é uma má influência. Por que você ainda anda com ele?

Esses exemplos são sinais de um relacionamento abusivo. Disfarçado de preocupação, o abusador somente quer afastar os demais do parceiro e concentrar nele todas as necessidades emocionais e sociais.

O objetivo é que o parceiro passe a depender somente do abusador. Dessa forma, ele terá exclusividade e conseguirá assegurar que o parceiro realize aquilo que deseja. É uma forma cruel de manipulação, pois envenena relacionamentos saudáveis com outras pessoas para obter controle total.

3. Diminui o parceiro

Nesse caso, o abusador não consegue ver a pessoa passando por um bom momento. Para ele, nada será o suficiente e não ficará impressionado com as grandes conquistas do parceiro. Aliás, ele precisa diminuir o outro para ter a sensação de superioridade no relacionamento, sela no âmbito privado ou até mesmo zombando na frente de outras pessoas.

O foco do abusador é diminuir a autoestima para que a pessoa não seja capaz de tomar as próprias decisões. Nesse sentido, faz o parceiro pensar que não é nada sem ele e que o relacionamento abusivo é a única forma de resolver os problemas.

4. Jogos emocionais

A chantagem emocional revela o relacionamento abusivo. O parceiro abusivo joga a responsabilidade da culpa para o outro. Sendo assim, pretende através disso que a pessoa se sinta mal com ela mesma e reconheça os erros, mesmo quando não existem.

Os jogos emocionais servem para demonstrar a balança de poder dentro do relacionamento. Então, podem ocorrer privações, como de sexo e intimidade, ou até mesmo um afastamento e silêncio para que o outro faça aquilo que deseja. Fique atento para identificar esses elementos, pois assim, você conseguirá saber como se livrar de um relacionamento abusivo.

5. Agressão e violência

O agressor bate no parceiro. Entretanto, diz ele, que estava descontrolado. Promete que nunca mais fará aquilo de novo. Ele faz juras de amor e não consegue imaginar viver no mundo sem o outro.

Infelizmente, esse exemplo é mais comum do que imaginamos e representa um relacionamento abusivo. O agressor não estava descontrolado. Houve uma agressão, aliás, várias, pois o fato se repete diversas vezes.

O arrependimento e as promessas são manipulações para manter o relacionamento. Violência é violência. É perigoso manter o convívio com alguém que agride o parceiro, tanto psicologicamente, como fisicamente. É importante compreender esses aspectos para poder saber como sair de um relacionamento abusivo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.