7 dicas para superar uma separação

0
281
dicas para superar separação

Felizes para sempre. Muitas histórias de ficção acabam com esses dizeres, porém sabemos que na vida real os créditos não aparecem quando tudo parece perfeito. A vida continua, o romance acaba e o relacionamento termina. Gostando ou não, o sol amanhece no dia seguinte, mas muitos não sabem como superar uma separação.

O sofrimento é real. Porém, isso não significa que também é permanente. A dor da separação passa. O fim é um estágio complicado para qualquer processo, entretanto o ciclo completo permite conclusões. Os ensinamentos que tiramos dessas situações são valiosos, pois permitem crescimento pessoal ao entendermos o que aconteceu.

Como superar uma separação? Isto pode ser complicado, por isso, trazemos sete dicas que podem ajudá-lo durante esse processo de reflexão e autoconhecimento.

1. Afaste-se das redes sociais

É difícil saber como lidar com a separação e os nossos sentimentos logo após o rompimento. E, a rede social é um dos piores lugares para visitar durante esse período. É comum depois da separação as pessoas trocarem indiretas e farpas no ambiente digital, porém isso não faz bem para a saúde mental de nenhuma das partes.

Ficar afastado das redes sociais permite uma pausa e um respiro do ex-companheiro. Não saber o que está acontecendo com o outro ajuda a superar o término, pois evita pensamentos negativos e foca as suas forças em você.

2. Mude o visual

Seja com uma mudança radical no cabelo ou uma simples troca no estilo das roupas que veste, não importa, um novo visual ajuda a lidar com a separação. O importante é ser capaz de visualizar algo novo.

O período após o término é complicado, então, queremos nos sentir diferente. Uma forma de realizar isso é com um pequeno estímulo externo. Ao mudarmos o visual, mostramos para nós mesmos que estamos e nos sentimos renovados.

3. Mantenha-se ocupado

Foque em ter uma agenda cheia de compromissos que gostaria de realizar. É importante tentar ocupar o tempo fazendo atividades que temos apreço. Procure os amigos próximos e passe mais tempo com eles. Fique perto de quem gosta e fazendo o que curta, isso auxilia a superar uma separação.

Além do benefício emocional positivo de estar passando mais tempo com as pessoas e coisas que estimamos, a agenda cheia evita o ócio. No período após o fim do relacionamento, o tempo ocioso nos faz pensar nos problemas e a dor da separação que estamos sentindo.

4. Conheça novas pessoas

Sair com pessoas novas não implica necessariamente em ficar com elas – apesar de isso não ser nada errado. A questão desse ponto é fazer novas amizades e conhecer outras realidades. A mudança de ambiente pode ser boa para lidar com a separação conjugal.

Pessoas diferentes falam de assuntos diferentes. Escapar um pouco do ciclo usual de amigos permite experimentar novas conversas e conhecer outras maneiras de encarar a vida. Essa pode ser uma oportunidade para se redescobrir e deixar algo de bom e inesperado acontecer.

5. Dê tempo aos sentimentos

Não precisamos ser felizes o tempo inteiro. Não. Está tudo bem ficar triste e sentir a dor que nos aflige. O término de um relacionamento é difícil e devemos respeitar o período de “luto” para compreender o que estamos sentindo.

Dar tempo para nós é uma oportunidade de aprender com o que aconteceu. A ruptura é incômoda, mas fornece um momento de reflexão, em que conseguimos identificar as nossas falhas e acertos no relacionamento que passou.

6. Desabafe sobre o que aconteceu

Falar em voz alta as situações que passamos ajuda a esclarecer os sentimentos. O simples exercício de raciocínio ao formular as histórias que vivemos, permite enxergar com mais clareza o que aconteceu.

Entretanto, não podemos cair na tentação de falar somente sobre isso. É importante dosar o quanto falamos para as pessoas mais próximas, pois é complicado para os outros escutar algo pesado e repetitivo por muito tempo. Nesse sentido, o acompanhamento psicológico pode ser interessante caso seja necessário compreender melhor os acontecimentos e conversar sobre o término.

7. Acompanhamento psicológico

O término de relacionamento é algo difícil para todas as pessoas. Porém, às vezes, a angústia da separação pode ser tão traumática que desencadeia alguns malefícios, como transtornos psicológicos. Aliás, caso não sejam cuidados, a pessoa pode desenvolver doenças, como a depressão.

O tratamento psicológico permite que a pessoa consiga lidar com o turbilhão de sentimentos e permite a autorreflexão. O psicólogo irá trabalhar para construir barreiras mentais e identificar gatilhos emocionais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.