Apimentar a relação: Veja aqui 5 dicas de como apimentar a relação

0
110
apimentar a relação

Dicas para apimentar a relação ajudam casais a revitalizar o relacionamento

O tempo funciona de forma peculiar. Num relacionamento, confere carinho e intimidade. O passar dos anos aproxima e torna o vínculo com o parceiro mais forte. Entretanto, também possui as suas armadilhas através da rotina e mesmices difíceis de escapar, inclusive na vida sexual.

Uma pesquisa realizada pelo Instituto do Casal procurou compreender exatamente essa história: 55,9% dos casais classificaram a sua vida sexual como insatisfatória durante a pesquisa. Os motivos podem ser variados, mas não muda o fato de que algo está incomodando essas pessoas.

Porém, isso não significa ficar acomodado e deixar a situação como está, afinal, o sexo é uma parte importante da vida – além de possuir diversos benefícios à saúde. Então, é possível apimentar a relação, sim.

 

“Saiba o que é Sexologia e quebre o Tabu sobre o Sexo!”

 

Confira abaixo algumas ideias para apimentar a relação.

Como apimentar a relação

O relacionamento caiu na rotina? Bem, esse não pode ser um motivo para deixar de tentar agradar e viver novas experiências com o parceiro. Portanto, é necessário atitude para aprender a como apimentar o casamento, namoro ou qualquer tipo de relacionamento. Às vezes, só basta um empurrãozinho.

Provoque o seu parceiro

O desejo e a excitação são partes fundamentais para satisfazer os desejos sexuais. Sentir tesão deixa o encontro mais divertido e fascinante. Por conta disso, é importante manter a sedução e o nível de interesse entre os parceiros.

Então, não é preciso de muito para gerar esse efeito. É possível realizar coisas simples para apimentar a relação. A provocação é algo que desperta os sentidos e o desejo sexual. Deve ser procurada e explorada ao máximo.

Sendo assim, não é preciso pensar muito. Os parceiros já sabem o que o outro deseja e como gostam das coisas feita. Portanto, é possível abusar dessas informações. É um gesto, uma peça de roupa ou uma posição que faz toda a diferença.

LEIA MAIS: A relação da sexualidade com a vida saudável

E como tirar o relacionamento da rotina? Bem, o desejo não começa somente momentos antes do ato sexual em si. Existe todo um jogo e cena realizar. Quer melhorar nesse quesito? Tire proveito da tecnologia e provoque por mensagem.

Use o sexting (compartilhamento de conteúdo erótico) para gerar efeito ao longo do dia e aumentar a tensão sexual até o momento do clímax sexual. Saber usar palavras e imagens pode ser mais efetivo do que o imaginado.

Saia da zona de conforto

Como apimentar o sexo se você já sabe tudo da outra pessoa? Casais com relacionamento de longa data já conhecem a rotina sexual do parceiro e tendem a cair na mesmice. Afinal, sabem do que eles gostam e pretendem agradar. Entretanto, isso pode ser o motivo das coisas parecem monótonas.

É preciso pensar diferente e deixar que novas experiências surjam na vida do casal. Não é preciso deixar de fazer o que já é gostoso, entretanto, também é possível estar aberto à novas oportunidades.

Explore novos lugares. Seja dentro ou fora de casa, mas evita transar nos mesmos locais de sempre. Essa simples mudança já irá causar um efeito diferente enquanto o clima está esquentando. Uma viagem à sós, aliás, é uma boa pedida para isso.

LEIA MAIS: Os benefícios do sexo para a saúde mental

Procure fazer sexo em horários diferentes. A ideia é quebrar com a ideia de que as coisas precisam ocorrer de forma programada. Então, dê uma chance para a espontaneidade e aproveite o desconhecido.

Ainda, se permita conhecer outras posições sexuais. Existem diversas possibilidades durante o sexo e não é preciso manter as posições de sempre. Pesquise, conheça e explore. Somente isso trará uma experiência nova no ato sexual.

LEIA MAIS: 7 sinais de que você precisa de terapia sexual

Apimente o sexo com fantasias

Uma das melhores maneiras de apimentar o sexo é com o uso de fantasias e roleplay. Isso acontece, pois deixamos o pudor de lado e é interpretado algo que dá tesão para o casal. A ideia é exatamente essa: viver o novo e excitante.

É a oportunidade de adicionar elementos diferentes ao tradicional sexo já realizado. Pode ser o toque sutil, mas que muda como o casal vê aquilo que está acontecendo. É realizar o ato sob um outro ponto de vista.

Além disso, conversar sobre fantasias abre possibilidades interessantes. O casal poderá discutir sobre o que realmente é de gosto de ambos e descobrirá um lado excitante nessa jornada. É uma construção que precisa da concordância das duas pessoas.

Então, não é preciso ter vergonha de comentar quais são as fantasias com o seu parceiro. Esse é um momento em que os dois estão aprendendo mais um pouco sobre o outro e essa é uma oportunidade de saber o que mais excita o próximo.

LEIA MAIS: Saiba mais sobre o que é fetiche sexual

Saia da rotina com jogos e produtos eróticos

Existem diversas coisas para apimentar a relação, sejam jogos, brinquedos ou até lubrificantes. Não existem limites para adicionar ao sexo e tornar a experiência com o parceiro muito mais proveitosa do que já é.

Nesse sentido, para os casais que estão com dificuldades para se soltar, trazer algum jogo erótico para o ato pode ser interessante. São interessantes para abrir as possibilidades do sexo. Dessa forma, também é possível utilizar os brinquedos e lubrificantes para incrementar a relação. Muitas pessoas ainda veem como tabu o seu uso, porém são ferramentas valiosas que podem aumentar o grau de satisfação do sexo.

Além disso, essa é uma boa oportunidade para ir à um sex shop juntos. Isso por si só já é uma experiência diferente e única para o casal. São comercializados diferentes itens, desde acessórios até brinquedos. Por isso, é um local para aflorar a criatividade dos dois.

Converse (com o parceiro e até um especialista)

O diálogo ainda é o meio mais eficiente para seguir apimentando o relacionamento. Não é nenhum segredo, aliás. Isso ocorre, pois somente com por meio das conversas que os parceiros poderão ser sinceros com o outro e saber o que está acontecendo.

Falar e compreender o próximo é uma ferramenta valiosa da relação e mais ainda para o sexo. Somente assim, será possível descobrir as coisas boas e ruins. Portanto, manter essa porta aberta aumenta as chances de deixar tudo mais interessante.

Mesmo assim, é possível também trazer à tona o assunto para um especialista. Conversar com um psicólogo (ou sexólogo, no caso) pode ser algo chave em relacionamentos em que exista excesso de vergonha ou falta de intimidade.

Muitas vezes, ocorre a censura de pensamentos e, por isso, não é possível progredir nesse diálogo aberto. A figura de um profissional capacitado no assunto ajuda a lidar com essas situações e desenvolver melhor a vida sexual do casal.

A psicóloga da Telavita, Edgard Felberg (CRP 05/34038),  pode te ajudar!

Minha base teórica é a Psicanálise, mas com abordagem Humanista, ou seja, meu foco é a pessoa e suas variadas demandas. Sou Mestre em Saúde Coletiva e utilizo a Hipnose como Ferramenta em casos específicos. Toda minha trajetória abriga um olhar Humano onde cada sujeito é absolutamente singular. Assim, meu olhar é transversal sobre todos os aspectos e questões que dificultam o empoderamento do self. Sou autor do Livro “O Sexo Nú: Bareback e outras Reflexões” (Editora Appris, 2015); Realizo também consultoria em Gênero, Sexualidade, erotismo, hiv/aconselhamento, transtornos obsessivos compulsivos, ansiedade e pânico através de palestras e workshops. Atendo adolescentes, adultos e casais.

 

“Agende uma consulta com o Edgard aqui!”

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.