7 sintomas da depressão pós-parto

sinais da depressão pós-parto

A gravidez e a maternidade são revestidas de encantamento. “É uma época maravilhosa”, algumas pessoas dizem. Entretanto, pouco se fala das consequências e efeitos que podem ter na mulher. Aliás, essa época pode gerar doenças mentais na mãe, esta por exemplo, pode apresentar sintomas da depressão pós-parto.

E, afinal, o que é depressão pós-parto? Ela é uma condição médica em que a mulher tem emoções e pensamento negativos intensos nos meses seguintes ao nascimento do bebê.

Não é possível determinar exatamente as causas da depressão pós-parto. Problemas físicos ou emocionais, qualidade de vida e histórico familiar podem indicar alguma pista. Porém, o que causa depressão pós-parto, ou pelo menos o motivo mais forte e evidente, é o enorme desequilíbrio de hormônios pelo término da gravidez.

A depressão pós-parto tem cura. Por isso, é interessante procurar um especialista para cuidar do assunto o quanto antes. Os tratamentos para depressão pós-parto, geralmente, incluem acompanhamentos psicológicos e até uso exclusivo de remédio para depressão pós-parto.

Sendo assim, saber o que causa a depressão pós-parto e os seus sinais são fundamentais para conseguir ajuda de profissionais qualificados. Então, conheça abaixo quais os sintomas da depressão pós-parto:

1. Tristeza profunda

Talvez esse seja o sintoma mais evidente dos casos de depressão pós-parto. Pensamentos negativos e humor depressivo são indicativos da doença. Dessa forma, tentar compreender o estado mental e se mostrar presente podem ajudar na recuperação da condição.

2. Perda de interesse

Entender como identificar depressão pós-parto é fundamental. Nesse caso, a mulher perde o prazer de realizar atividades, que antes de ter o bebê, eram de seu interesse. Assim, sobra somente a indiferença no cotidiano.

3. Dificuldade de criar laços com o bebê

Esse é um dos sintomas de depressão pós-parto que mais preocupa as mães. Por conta da condição mental, a mulher demonstra pouco interesse pelo bebê e, consequentemente, possui dificuldade em desenvolver, de fato, um laço afetivo com o recém-nascido.

4. Isolamento

Um dos sintomas da depressão pós-parto é quando a mãe começa a se afastar da família e dos amigos próximos. A socialização vira um peso na vida da pessoa, então, ela decide cortar relações. Saber como tratar a depressão pós-parto ajuda na recuperação da doença.

5. Cansaço extremo

Neste ponto pode ser complicado entender como lidar com depressão pós-parto. A mulher sente fadiga abrupta e não consegui reunir mais energias para fazer o que precisa. Paciência e compreensão são chaves para superar as dificuldade do período.

6. Alterações no apetite

A falta de apetite ou o desejo de comer mais do que o usual são sinais que poucas pessoas relacionam com a doença. Esses sintomas da depressão pós-parto diferem conforme pessoa, por isso, é importante estar atento para conseguir identificá-los.

7. Dificuldade para se concentrar

A depressão pós-parto pode atrapalhar na tomada de decisões da pessoa. A doença, dessa forma, minam a concentração e não permite que a mulher consiga pensar com clareza. Apesar de ser um sintoma sutil, ele evidencia o desgaste mental.

Avalie este post!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.