O que é uma crise de ansiedade?

0
14313
mulher-com-crise-de-ansiedade

A ansiedade tem se tornado mais comum do que você imagina. Segundo o Fórum Econômico Mundial estima-se que 275 milhões de pessoas no mundo convivem com este mal. Seja tendo crises de ansiedade leves ou possuindo de fato o transtorno, a população tem sofrido cada vez mais com essa patologia.

A correria da atualidade, a constante pressão em nossos ombros e as obrigações que precisamos sempre realizar são fatores frequentes em quem possui recorrente crises de ansiedade.

Logo, a crise pode começar como uma simples dor no peito ao respirar, sutilmente, porém, logo aparecem os demais sintomas. O coração fica acelerado do nada e a garganta fecha. A sensação de falta de ar e o tremor no corpo tomam conta da situação. O desmaio parece iminente e a crise de choro irrompe. Assim você pode saber: a crise de ansiedade chegou.

Compreender como funciona este fenômenos pode não ser tão simples através do uso das palavras, mas a experiência, com certeza, deixa marcas. A insegurança e o medo de que novos episódios ocorram não deixam que o indivíduo esqueça as sensações.Entretanto, os eventos não podem ser um impeditivo para viver. 

LEIA MAIS: O que é a ansiedade? Descubra como enfrentar o mal do século

Afinal, o que é uma crise de ansiedade?

A crise de ansiedade é uma reação emocional extrema. Ela serve como um alarme para o corpo e chega, também, a causar medo. Geralmente, ocorre em momentos de estresse ou em acontecimentos traumáticos. Logo, são manifestações corporais que indicam um estado mental defasado do indivíduo. 

O corpo fala aquilo que nossas angústias (inconscientes ou conscientes) gritam dentro de nós. Ainda, as crises podem surgir ao menos uma vez na vida das pessoas, até mesmo para quem não possui nenhum transtorno psicológico, afinal, a ansiedade faz parte da sobrevivência como espécie. Basta uma dose excessiva deste sentimento para desencadear o fenômeno.

Contudo, é importante não confundir a ansiedade com o transtorno de ansiedade. Ambos são distintos. É humanamente impossível viver sem sentir ansiedade, isso porque ela faz parte dos nossos instintos humanos. Porém, quando esse mecanismo permanece em nosso cérebro por mais tempo do que deveria, começa a se tornar preocupante, virando uma patologia – que se manifesta a partir de sucessivas crises e sintomas.

LEIA MAIS: Confira 7 perguntas e respostas sobre ansiedade!

Sintomas

Para saber se está tendo uma crise de ansiedade é necessário ficar atento a diversos sinais que o corpo e a mente demonstram. Antes do evento, é possível perceber pequenos indícios de que ele irá ocorrer.

Portanto, ter conhecimento dos fatores que levam até o ataque é fundamental, pois somente assim a pessoa poderá identificar o ocorrido e procurar a ajuda necessária para tal. Dessa forma, esse reconhecimento amplia as chances de tratamento do indivíduo.

Sintomas físicos da crise de ansiedade

  • Insônia;
  • Tremedeira no corpo;
  • Coração acelerado;
  • Tensão muscular;
  • Chorar sem motivo;
  • Sentir a garganta fechando;
  • Dor no peito e falta de ar;
  • Calafrios;
  • Formigamentos;
  • Náusea;
  • Sudorese;
  • Tontura e sensação de desmaio.

Sintomas psicológicos da crise de ansiedade

  • Falta de concentração;
  •  Preocupação excessiva;
  • Irritabilidade;
  • Sensação de irrealidade;
  • Nervosismo;
  • Despersonalização;
  • Medo constante.

LEIA MAIS: 5 sintomas de ansiedade 

O que fazer durante uma crise?

Vivenciar um ataque não é algo fácil. Além da situação momentânea ruim, a pessoa precisa lidar com o medo da possibilidade de um futuro evento novamente. Sabendo disso, é importante ter uma preparação caso o indivíduo chegue numa condição extrema outra vez.

Por isso, saber como controlar uma crise de ansiedade é fundamental. Sendo assim, é possível observar algumas técnicas e lições que podem ajudar a pessoa a passar por essa situação de forma mais tranquila. Para reduzir a ansiedade durante uma crise:

Foque na respiração

Ao focar na respiração você conseguirá controlá-la. Inspire e expire lentamente para diminuir a sensação ofegante. Ao fazer isso, você irá levar mais oxigênio ao cérebro e reduzirá o estresse e o sentimento de asfixia.

Relaxe os músculos

Procure a leveza do corpo. A crise tensiona os músculos, o que traz dores, desconfortos e intensifica o estresse. Portanto, é necessário relaxar e soltar a musculatura aos poucos. Realize esse método aos poucos e de forma devagar.

Distraia a mente

A adrenalina toma conta do corpo durante as crises de ansiedade e é muito difícil não prestar atenção aos diversos sentidos e pensamentos que está vivenciando. Entretanto, é importante procurar se distrair para conseguir organizar a mente. Procure conversar com alguém ou ficar contando repetidamente de 1 a 10.

Tratamento para a ansiedade

E, afinal, como ajudar alguém com crise de ansiedade? A principal forma de socorrer essas pessoas é por meio do tratamento com especialistas. Sim, é possível melhorar essa condição com as ferramentas adequadas em mãos, no entanto, não é seguro falar propriamente que existe a cura.

Em relação a como tratar crise de ansiedade, o mais recomendado é procurar um acompanhamento psicológico. A terapia é capaz de identificar as causas e motivações que estão levando aos ataques. Ainda, é um espaço de autoconhecimento que permite a reflexão e o crescimento das pessoas.

Ainda, o psicólogo é o profissional responsável por compreender os gatilhos que causam essas crises. Ele está munido de técnicas e práticas capazes de ajudar o paciente a lidar melhor com as situações extremas.

Durante as sessões, o indivíduo irá aprender mais sobre si mesmo, além de desenvolver defesas mentais capazes de proteger a mente contra eventuais infortúnios. Então, com o tempo, também será capaz de reconhecer com mais facilidade os sintomas da crise e como combatê-los!

Está passando por isso?

Encontre seu psicólogo online

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.